domingo, 28 de novembro de 2010

GALHOS SECOS... FOLHAS MORTAS...



















GALHOS SECOS... FOLHAS MORTAS...
Pr. Abilio Carlos dos Santos

Houve uma grande chuva aqui na cidade.
A chuva cessou...
Contemplamos os estragos deixados e a forma em que as árvores ficaram.
Montes de madeira-lixo foram deixados pelo vendaval.

Os galhos que estavam nas ruas eram galhos secos e mortos.
Galhos secos e mortos.
Sem vida.
Eram inúteis para as árvores.

Tudo isso ilustra muito bem a vida.
Quantas vezes somos agitados por ventos e adversidades.
Somos desafiados.
É o Senhor agitando e sacudindo “a árvore” e lançando fora as coisas inúteis.

Aquilo que parecia ser uma grande perda não passa de galho seco e imprestável em nossa vida.
Ah! Que perda... Por que aconteceu isso logo comigo...
Tudo isso foi retirado de nossa vida com a permissão de Deus.
Eram embargos que nos afastavam da presença de Deus.

Lamentamos... Lamentamos... Lamentamos.
Perceba que tudo coopera para o bem daquele que serve a Deus.

“E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito” – Rm 8.28

Tudo ficou leve... Que bom!
Eram galhos secos...
Eram folhas mortas...
.

abilicusvidanova@ig.com.br

Blog do Pr. Abílio:


.



Postar um comentário

CONVERSANDO COM DEUS - Jr 33:3