sexta-feira, 15 de julho de 2016

NOSSA CONFIANÇA ESTÁ NO SENHOR


NOSSA CONFIANÇA ESTÁ NO SENHOR

Não é uma tarefa fácil agradar as outras pessoas. Tentamos e muitas vezes não conseguimos. As pessoas vivem em constante mudança. As pessoas abraçam e batem em nossas costas, mas aquilo que viam em nós como virtude, no momento seguinte torna-se defeito ou até mesmo ameaça.

E assim começam as perseguições. Acabam derrubando os pedestais onde nos haviam colocado. E como nos sentimos? Sentimo-nos miseráveis e humilhados. Aquele que era seu amigo agora se torna inimigo.

Como resolver essa situação? Sentir-nos-íamos sem saída, não fosse a nossa intimidade com o Senhor. Temos alguém que nos ama em todo o tempo. Deus é o amigo fiel, acima de todas as circunstâncias.

“Confio em Deus e o louvo pelo que ele tem prometido. Confio nele e não tenho medo de nada. O que podem me fazer simples seres humanos?” – Salmos 56.3-4.

Pr. Abilio C Santos / SP, Brazil


 

.

"... É NESSA HORA QUE DEUS ABRE AS PORTAS"


 

 “... É NESSA HORA QUE DEUS ABRE AS PORTAS”.

Você já caiu e levantou-se sem entender nada como aconteceu?

Em momentos de dificuldades devemos colocar em ação a garra que existe em nós. Deus nos deu ousadia e poder – II Tm 1.7 - Só descobrimos o tamanho da nossa força interior quando ela é solicitada.
De repente somos chacoalhados e desabamos. Pensamos então: O que fazer? E é nessa hora que falamos com Deus e Ele abre as portas surgindo diante de nós um novo caminho e uma nova vida.

Não desista... Levante a cabeça e receba forças para contemplar o que está além do horizonte.

Pr. Abilio C Santos / SP, Brazil


.

A FÉ DE ELIAS - I Rs 17.1-6


A FÉ DE ELIAS – I Rs 17.1-6

Pr. Abilio C Santos
1º Passo – Vá até Acabe – I Rs 17.1
a) - O rei Acabe fez o que era mau perante o Senhor / Edificou um altar e uma casa para Baal em Samaria trazendo a idolatria para Israel / Deus amaldiçoou a cidade de Jericó – Js 6.26 – e disse que ela não devia mais ser reconstruída e em I Rs 16.34 o rei Acabe reedificou-a.

b) - Foi neste cenário que Elias começou a testemunhar – I Rs 17.1. Elias enfrentou a Acabe e todo sistema religioso.

2º Passo – Vá para o Riacho. Eu vou sustentá-lo –

I Rs 17.2-3.

a) - Deus não queria um profeta cativo daquele sistema religioso idólatra, mas um servo que estivesse disposto a partir para um lugar de separação (Querite). E “ali mesmo” (não em qualquer outro lugar, mas ali mesmo), Deus iria lhe sustentar.

b) - Este continua sendo o desejo de Deus: O servo de Deus separado de tudo que este mundo representa – Tg 4.4.

c) Elias tinha outras opções em Samaria

Um servo menos fiel poderia ter entrado em contato com Obadias, o mordomo do rei, que já havia escondido e sustentado a 100 profetas (I Reis 18:4), e pedido ajuda a ele. Afinal, “Obadias temia muito ao Senhor” (18:3), era um discípulo também; porque não falar com Obadias, “só para garantir”?

d) – Veja que exemplo de dependência de Deus

Elias, porém, possuía a maior de todas as garantias — a palavra do Senhor! Ele sabia que não estava dependendo de Obadias, nem de qualquer outro servo; ele confiava no próprio Deus para o seu sustento. Ele sabia que o seu Deus, o Criador dos céus e da terra, Aquele que cuida dos pássaros e dos lírios, tinha poder para cuidar dele também.

e) - Elias teve fé e obedeceu > deixou Samaria, foi para Querite, o lugar de separação, e Deus o sustentou com a água daquele lugar e com a comida que os corvos lhe traziam – Sl 34.9-10 > Deus é fiel.

Conclusão

Mas, e hoje em dia? Será que este poder tem diminuído? É claro que não; seria blasfêmia pensar desta maneira. O que acontece hoje em dia é que a nossa visão do poder de Deus é bem menor. Deus ainda deseja que os seus servos se dirijam à Querite, sendo separados (e esta separação é exigida de todo filho de Deus, não só dos “obreiros”). Deus ainda está disposto a nos sustentar “ali mesmo”, através do Seu poder divino. Mas nós temos achado um meio caminho: queremos ir à Querite, mas insistimos em deixar alguém em Samaria para nos sustentar. Achamos que é necessário criar organizações humanas para poder servir ao Senhor, esquecendo que, se Ele nos chamou, é claro que Ele irá nos sustentar.

Se obedecermos ao nosso Deus, jamais nos faltará o necessário.
 
Sermão com o Pr. Abílio em Igreja Vida Nova em Santo André - SP - DOMINGO – 10 JULHO 2016
 

A DOR DA TRAIÇÃO


 

A DOR DA TRAIÇÃO
Pr. Abilio C Santos

Há muitas coisas que doem e nos fazem sofrer, mas doloroso mesmo é a dor da traição.

Como poderia uma pessoa tão querida e próxima agir dessa maneira? Com certeza essa pessoa foi usada pelo diabo, pois confiávamos tanto e por muitos anos.

Traição é algo que sempre tem acontecido com as pessoas. O diabo é o mestre em distorcer e arruinar os bons relacionamentos, separar os amigos e muitas vezes até a família.

A Bíblia nos revela que Satanás foi expulso do Céu por causa de sua habilidade única de criar confusão, discórdia e conflitos.

Satanás vigia a sua vida e aguarda o momento de lançar a seta ardente da raiva e causar uma grande confusão fazendo com que amigos se tornem inimigos. Devemos vigiar sempre.

O diabo trabalhou na vida de Judas Iscariotes por três anos até que encontrou a brecha na alma de Judas, tornando-o tão angustiado que se levantou contra Jesus e tornou-se Seu traidor... Que decepção!

Receba meu abraço,

Pr. Abilio / SP, Brazil


.

O QUE VOCÊ QUER DA VIDA?


O QUE VOCÊ QUER DA VIDA?
Pr. Abilio C Santos

Para onde você está caminhando na vida? Muitas pessoas não tem uma visão clara do que querem na vida. Como vamos obter um resultado desejado se não temos uma visão que nos oriente?

Há pessoas que estão sofrendo em empregos e fazendo coisas que não gostam. Outras sofrem em situações na vida no que não desejavam.

Perguntamos a essas pessoas o que querem fazer para mudar essa situação desagradável e elas respondem: Não sabemos o que fazer. São pessoas sem visão.

Amigo crie uma visão clara do que você quer fazer na sua vida e depois faça um pouquinho todos os dias e você vai chegar lá.

Um abraço,

Pr. Abilio / SP, Brazil

CONVERSANDO COM DEUS - Jr 33:3